Cia de Dança Lia Sampaio

De Wikidanca

Ir para: navegação, pesquisa

A mesma filosofia de trabalho do Nudac norteou os espetáculos criados pela Cia de Dança Lia Sampaio, formada logo após a aposentadoria da coreógrafa como funcionária pública federeal. Embora contasse com alguns novos elementos, o elenco básico do novo grupo era formado pelos membros do Nudac: Sâmara Evangelista, Sarah Evangelista, Luína Evangelista, Karol Palha, Samuel Costa, Francisco Assis, Fátima Hortêncio, Klarisse Farias, Márcia Kaneko e Olaide Castro.


Após um bem-sucedido período de apresentações, quando, inclusive, conseguiu vender espetáculos para o encontro internacional com os diretores do Credicard-Diners, evento que contou com a participação do então Ministro dos Esportes, Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, em 1997, no Teatro Amazonas, a Cia de Dança Lia Sampaio decidiu fechar-se ao mundo artístico e lançar-se no setor empresarial, atuando em projetos de natureza filantrópica, como as Aldeias S.O.S, nas quais alguns de seus membros atuaram como instrutores artísticos.


As atividades da Cia de Dança Lia Sampaio encontram-se paralisadas, devido ao projeto do livro Nudac – Um gesto que deu certo, escrito por Lia Sampaio em parceria com Andrea Arruda, que relata as diversas experiências do grupo ao longo dos 15 anos de trabalho dentro e fora da Universidade Federal do Amazonas.


Allegria Cigana (1996) foi o último espetáculo do grupo.


Fonte: Dançando Conforme a Música

      Acervo particular



GabihortencioGabihortencio 21h53min de 7 de julho de 2011 (BRT)

Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas
Visite-nos
Idana.net - Home