Inês Bogéa

De Wikidanca

Ir para: navegação, pesquisa

Inês Bogéa.jpeg

Foto: Reginaldo Azevedo.

Disponível em Site Inês Bogéa


Tabela de conteúdo

Inês Bogéa

Inês Bogéa nasceu em Vitória, Espírito Santo, em 1965. É bailarina, professora de dança, escritora, documentarista, crítica de dança e Doutora em Artes (Unicamp, 2007). Atualmente é professora do curso de especialização em Linguagens da Arte, do Centro Universitário Maria Antônia da Universidade de São Paulo e diretora da São Paulo Companhia de Dança (Site São Paulo Cia de Dança).


Formação e Carreira

Iniciou seus estudos com Lenira Borges em 1978. Foi aluna da escola de Dança do Palácio das Artes de 1981 a 1982. Em 1987, forma-se como professora de dança clássica e bailarina clássica pela Royal Academy of Dancing de Londres (exames prestados na Academia Lenira Borges, em Vitória/ES). Antes de iniciar seus estudos de balé estudou capoeira de 1977 a 1978, e ginástica olímpica, em 1972. Foi campeã brasileira de ginástica olímpica em 1976 (Site Inês Bogéa).


Ines Bogea2.jpeg

Disponível em Site Inês Bogéa


Em 1989, ingressou no Grupo Corpo, no qual permaneceu até 2001, ano em que organizou um livro sobre a companhia: Oito ou nove ensaios sobre o Grupo Corpo, Cosac Naify, 2001 (Site Ed. Cosac Naify).

Coordenadora do Grupo de Estudos de Dança do Centro Universitário Maria Antônia da Universidade de São Paulo, a bailarina Inês Bogéa formou-se em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, em 2004(Site São Paulo Cia de Dança).

Foi ainda co-diretora do Projeto Cidadança, ao lado de Ivaldo Bertazzo (2006-2007), e coautora, com Sergio Roizenblit, dos documentários Movimento Expressivo - Klauss Vianna (Miração Filmes e Crisantempo, 2005) Renée Gumiel, a vida na pele (DOCTVII, 2005) e Maria Duschenes - O espaço do movimento - Prêmio Funarte Klauss Vianna, 2006 (Site Inês Bogéa).


Livros

Cosac & Naify, 2007

IB-Contos do Balé.jpeg

Disponível em Site Inês Bogéa


Cosac & Naify, 2003

IB-Kazuo Ohno.jpeg

Disponível em Site Inês Bogéa


Ilustração: Marcelo Cipis

Companhia das Letras, 2002

IB-O livro da danca.jpeg

Disponível em Site Inês Bogéa


Cosac Naify, 2001

IB-89ensaioscorpo.jpg

Disponível em Google Books


Documentários

Lenira Borges uma vida para a dança

2011

"Lenira Borges – uma vida para dança resgata os principais momentos da trajetória’’dessa mestra. Lenira Borges tem enorme importância no cenário da dança capixaba,’’não apenas por seu pioneirismo no ensino da dança clássica, mas também pela formação de inúmeros artistas. A história da dança do Espírito Santo e seu nome se misturam" (Site Inês Bogéa).

Poesia em movimento

2011

"Poesia em Movimento aborda a trajetória de Roseli Rodrigues (1955-2010), personalidade que motivou o jazz a ganhar cara própria no país. "A estreia de sua primeira coreografia, Raça, com música de Milton Nascimento, definiu sua trajetória como uma criadora que encanta, contagia e impulsiona novos artistas. A Raça Cia. de Dança virou referência no jazz do Brasil, e a arte de Roseli segue viva na dança e na memória de seus muitos alunos, bem como na de tantos outros artistas e do público em geral" (Site Inês Bogéa).

Série Figuras da Dança

São Paulo Companhia de Dança, 2010

"Atores fundamentais da história da dança brasileira levam sua arte à TV Cultura. Entrevistados por Inês Bogéa, Ivonice Satie (1950-2008), Ady Addor, Ismael Guiser (1927-2008), Marilena Ansaldi, Penha de Souza, Ruth Rachou, Hulda Bittencourt, Luis Arrieta, Tatiana Leskova, Antonio Carlos Cardoso, Décio Otero, Sônia Mota, Marcia Haydée, Carlos Moraes e Angel Vianna comentam suas carreiras em diálogos com outros artistas. Os documentários procuram construir um mapa em movimento da dança brasileira" (Site Inês Bogéa).

Série Corpo a Corpo com o professor

São Paulo Companhia de Dança, 2010

"Os documentários abordam os aspectos técnico e histórico da dança, contextualizado-os no universo criativo da São Paulo Companhia de Dança. A série é formada pelos episódios A Dança no tempo, Nos Passos da Dança, Caixa-Preta, Vida de Bailarino e Uma Roupa que Dança., Nos Passos da Dança, Caixa-Preta e Vida de Bailarino" (Site Inês Bogéa).

Umberto da Silva – Amo a Vida e Namoro a Morte

Secretaria Municipal de Cultura, 2008

"Este curta-metragem põe em foco a trajetória de Humberto da Silva (1951-2008) no cenário da dança contemporânea atual. Humberto da Silva movimentou a dança paulista como bailarino, coreógrafo e programador de dança. Ultimamente era assessor de dança da Secretaria Municipal de Cultura, professor de Artes do Corpo na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC-SP e bailarino independente. Seu último espetáculo, Cara Pálida, estreou em fevereiro de 2008" (Site Inês Bogéa)..

Série Canteiro de obras

São Paulo Companhia de Dança, 2008

"O cotidiano da São Paulo Companhia de Dança e seus processos criativos revelados ao público. Primeiros Passos: do anúncio da Companhia à boca de cena(2008). Duração: 26 minutos. Construindo Polígono: o processo criativo da coreografia de estréia da Companhia (2008). Duração: 26 minutos. Do século XX ao XXI: os bastidores das coreografias Serenade, Les Noces e Entreato (2008). Duração: 26 minutos. Canteiro de Obras 2009: os bastidores das coreografias Ballo,Gnawa, Passanoite, Tchaikovsky Pas de Deux e Polígono Revisitado" (Site Inês Bogéa).

Maria Duschenes – O espaço em movimento

FUNARTE, 2006

"O filme Maria Duschenes - O Espaço do Movimento resgata a trajetória e as experiências dessa importante figura da dança brasileira e ao mesmo tempo projeta seus ensinamentos para o cenário da dança atual" (Site Inês Bogéa)..

Milágrimas

SESC, 2005

Klauss Vianna – Movimento Expressivo

Miração Filmes e Sala Crisantempo, 2005

"Homenagem ao inovador Klauss Vianna (1928-1992) - bailarino, coreógrafo e professor que influenciou toda uma geração da dança e do teatro brasileiros, com seu trabalho de consciência corporal. Klauss foi professor de dança em Belo Horizonte, na Bahia, no Rio e em São Paulo. Ao mesmo tempo, desenvolveu um intenso trabalho com atores, deixando sua lição inscrita nos corpos e na fantasia de dezenas de artistas. O vídeo conta com a participação de Angel Vianna e traz também depoimentos de vários artistas ligados a Klauss" (Site Inês Bogéa).

Renée Gumiel – A Vida na Pele

DOCTV SP, 2005

"Renée Gumiel (1893 – 2006) é a personificação da história da dança moderna no Brasil. Quando chegou a São Paulo, em 1957, não encontrou grande receptividade para seu trabalho inovador. Mesmo assim, ficou três anos no país, período em que movimentou a cena da dança. Voltaria em 1961, a todo vapor: dançando, dando aulas em sua própria escola e criando novas coreografias. Aos poucos, Renée foi rompendo preconceitos. Desde então, não parou de influenciar gerações da dança e do teatro brasileiros" (Site Inês Bogéa).

Samwaad – rua do encontro

SESC, 2004

"DVD duplo do espetáculo e do processo criativo-pedagógico de Ivaldo Bertazzo, com o grupo Dança Comunidade. Em Samwaad, Bertazzo questiona identidades, linguagens, gestos e possibilidades de comunicação. Na cena, os dançarinos, a bailarina indiana Sawani Mudgal e mais sete ritmistas encenam um encontro de universos distintos, de extremos culturais afinados no palco" (Site Inês Bogéa).


Referências

Site Inês Bogéa. Acesso em janeiro de 2012.

Site São Paulo Cia de Dança. Acesso em janeiro de 2012.

Site Ed. Cosac Naify. Acesso em janeiro de 2012.

Google Books. Acesso em janeiro de 2012.

Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas
Visite-nos
Idana.net - Home