Marina Abramovic - The Artist is Present

De Wikidanca

Ir para: navegação, pesquisa

É um documentário dirigido por Matthew Akers e Jeff Dupre, lançado em junho de 2012, sobre a exposição organizada pelo MoMA, (Museum of Modern Art) - Nova Iorque, em 2010, sobre Marina Abramovic. Mostra a criação e o período desta exposição, além de entrevistas com curadores, colecionadores e artistas. A exposição foi uma retrospectiva da carreira da artista, que não só remontou obras passadas, como criou uma nova performance na qual interagiu intensamente com o público durante todo o período da mostra.


The artist is present.jpg


Tabela de conteúdo

Marina Abramovic

Marina Abramovic é uma performer iugoslava que começou seu trabalho artístico na década de 70. Suas performances se caracterizam pela intensidade da relação da artista com o público e por seu interesse em abordar os limites psicológicos e físicos do corpo humano.

Em suas performances a artista sempre buscou um interação com o público onde este fosse diretamente afetado pela performance ou até mesmo participasse dela. Em uma de suas primeiras performances ela disponibilizou diversos objetos diante de uma mesa (dentre eles uma faca e um revólver) e ficou inerte a mercê do público que tinha total liberdade para interferir no seu corpo da maneira que quisesse com os objetos.

Rhythm.jpg


Na performance The Artist is Present realizada no MoMA, que deu nome a exposição e ao documentário, não poderia ser diferente, a performer novamente fez questão de estabelecer uma relação direta com o público.

A performance

Em 2010 o MoMA convida a artista para uma exposição que faz uma retrospectiva das suas principais performances e apresenta uma inédita. O desafio era levar ao Museu as vivas e intensas performances de Marina. Para tal tarefa, artistas selecionados por ela própria se revezaram na reinterpretação de cinco de suas principais obras, enquanto ela se dedicou a performance The Artist is Present. Esta performance foi marcada pela presença da artista que por um período de três meses esteve no museu; sentada sete horas por dia, seis dias por semana recebendo o público que era convidado a participar. Abramovic sentava-se silenciosa em uma cadeira, de frente para uma segunda cadeira que ficava vazia. Um a um, os visitantes do museu sentavam à sua frente e mantinham com ela um contato visual que durava o tempo que o visitante quisesse, porém a comunicação com o artista era feita somente com o olhar, o que ela chamou de "um diálogo sobre a energia".

A proposta da artista era estar presente e atuante como parte de sua obra e conceder, a cada visitante que quisesse, sua atenção exclusiva. As reações eram diversas, muitas pessoas se emocionavam, o que Marina atribuiu, entre outros fatores, a ela estar presente e disponível por tempo indeterminado, quando nos dias atuais a escassez de tempo para se dedicar ao outro é cada vez maior, e também ao fato de as pessoas enxergarem nela um espelho.

Segundo o crítico de arte Arthur Danto, The Artist is Present é uma experiência completamente nova na história da arte. Para ele a maioria das pessoas passa cerca de 30 segundos em frente um quadro como o da Mona Lisa, mas na performance de Abramovic as pessoas ficam o dia todo.

MoMA.jpg

Esta performance foi inspirada em Nightsea Crossing, performance de Marina com Ulay, que foi seu parceiro na vida artística e amorosa durante 12 anos. Os elementos da performance eram duas cadeiras e uma mesa retangular, Ulay e Marina sentavam nas cadeiras posicionadas nas extremidades desta, de frente um para o outro, imóveis, olhando fixamente nos olhos, em silêncio, sem comer por tempo indeterminado.


O documentário

O documentário surgiu da necessidade de documentar a exposição e todo o processo, bem como as performances e os trabalhos de Marina. A montagem da retrospectiva e sua exposição de três meses no MoMA são seu fio condutor. Ao longo dos três meses da exposição, as filmagens ocorrem dia após dia, registrando como ela recebe as dezenas e dezenas de pessoas que vem em busca de um contato com ela.

O roteiro começa pelo processo de organização e montagem da exposição, conta um pouco da história da vida de Abramovic, seu relacionamento com Ulay - que foi seu parceiro na vida amorosa e artística durante 12 anos e juntos produziram muitas das performances que inclusive fizeram parte da exposição -, além de entrevistas com curadores, colecionadores e artistas.

Marina e Ulay.jpg
Momento em que Ulay senta-se com Marina no MoMA

Ficha Técnica

Gênero: Documentário

Direção: Jeff Dupre, Matthew Akers

Produção: Jeff Dupre, Maro Chermayeff

Fotografia: Matthew Akers

Montagem: E. Donna Shepherd, Jim Hession

Trilha Sonora: Nathan Halpern

Duração: 106 min.

Ano: 2012

Ver Também

Marina Abramovic

Referências

A Documentary Film about Marina Abramović

Sinopse Filmow. Disponível em: http://filmow.com/marina-abramovic-artista-presente-t66076/

Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas
Visite-nos
Idana.net - Home