Grupo Coreográfico da UFPA

De Wikidanca

Ir para: navegação, pesquisa

Reflexo.jpg

O Grupo Coreográfico da Universidade Federal do Pará surgiu no ano de 1968, sob iniciativa da professora Eni Corrêa ao lado de Marbo Giannaccini, no qual sob um processo constante de pesquisa, fundaram e dirigiram o Grupo Coreográfico. Neste ano, a Universidade Federal do Pará (UFPA) em parceria com a Secretaria de Educação e Cultura (SEDUC), possibilitou em Belém, com ação de Eni Corrêa, o primeiro Curso de Dança Moderna na cidade. Deste modo, o campo da arte do movimento corporal passou a fazer parte do âmbito acadêmico.

Já no ano seguinte, com o objetivo de dar continuidade no trabalho de parceria da dança com a Universidade, Corrêa junto ao Giannaccini criaram uma coordenação de dança que culminou um grupo, este tinha por objetivo o estudo, a investigação cênica, propostas inovadoras e a difusão da área da dança. Assim então, passou a existir o Grupo Coreográfico da UFPA, sendo um centro de formação e pesquisa em dança.

O Grupo existe até hoje na Universidade e desde sempre, abre espaço para alunos bailarinos interessados em experimentar e indagar a arte da expressão do movimento corporal Caracteriza-se por ser um grupo que constantemente sofre modificações, uma vez que seus coordenadores mudam e os bailarinos e propostas coreográficas são repensadas a cada ano.

Já estiveram na coordenação, após Eni Corrêa e Marbo Giannaccini, profissionais conceituados como Teka Salé, Mariana Marques, Waldete Brito, Eleonora Leal, Paulo Paixão, Maria Ana Azevedo e atualmente sob coordenação está o professor pedagogo Carlos Dergan.

O Grupo Coreográfico já foi dirigido por vários professores de dança da Universidade, em vista disso, já oportunizou o trabalho com diversas linguagens do movimento a exemplo da dança moderna, Balé Clássico e jazz. Atualmente o enfoque maior é a dança contemporânea, contudo o grupo já oportunizou a vivência de várias vertentes da dança.

Para ser integrante o bailarino passa por um processo seletivo, isto é, concorre a ocupação das vagas selecionadas e a bolsa remunerada que a Universidade oferece. Desta forma, o bailarino consegue participar do elenco e contribuir na construção do trabalho artístico.

A partir do surgimento do Grupo Coreográfico, as montagens coreográficas, as aulas práticas de dança semanalmente, enfim a valorização da dança, começaram a surgir oficinas livres na Universidade, para o aprimoramento do trabalho dos bailarinos. Assim, nesses cursos a técnica e a expressividade eram muito exercitadas, em favor disso, sentiu-se a necessidade de fazer crescer o contexto da arte na Universidade, o que depois se teve a união do trabalho do teatro com a área da dança na Universidade fazendo surgir então a Escola de Teatro e Dança (ETDUFPA).

Com a escola já formada e a experiência do trabalho do Grupo Coreográfico iniciou o Curso Técnico em dança, em 2008 a Graduação em Dança e em 2009 a Graduação em Teatro na Universidade Federal do Pará.

REFERÊNCIA

http://www.ufpa.br/beiradorio/arquivo/beira52/noticias/noticia13.html


Imagem:

http://movimientolaredsd.ning.com/photo/reflexo-uma-homenagem-a?xg_source=activity

Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas
Visite-nos
Idana.net - Home