Mônica Mion

De Wikidanca

Ir para: navegação, pesquisa

Monica Mion.jpg

Disponível em Site Prefeitura de São Paulo

Tabela de conteúdo

Mônica Mion

Mônica Mion Arruda Alves nasceu em São Paulo, em 29 de maio de 1954. É bailarina, coreógrafa, e foi diretora do Balé da Cidade de São Paulo no período de 2001 a 2010. Mônica é casada e mãe de dois filhos (MION, 2007).

Formação

Mônica Mion iniciou sua formação com Nice Leite, na Escola Municipal de Bailados (São Paulo), estudando também no Centre de Danse Internactional Rosella Hightower, em Cannes, França (MION, 2007).

Aprimorou-se através de cursos seguidos de professores de várias técnicas como Jane Blauth, Ady Addor, Yoshi Morimoto, Clyve Thompson, Yellê Bittencourt, Alphonse Poulin, Ilse Widman, Germaine Acogny e Holly Cravell (MION, 2007).


Carreira

Sua vida enquanto bailarina lhe concedeu aplausos e reconhecimento mundiais. Fez parte, inicialmente, do elenco de bailarinos do Ballet Stagium, sob direção artística de Marika Gidali, onde, de 1974 a 1976, dançou em todas as capitais brasileiras, nos Estados Unidos, nos Festivais Cervantino (Guanajuato, México) e de Inverno (Théâtre d'Art du Ballet, Paris, França), interrompendo a Faculdade de bioquímica da USP. Também dançou no Zürich Operhaus, na Suíça e na Cia. Brasileira de Ballet, no Rio de Janeiro (MION, 2007).

Em 1979, ingressou no Balé da Cidade de São Paulo, onde, além de bailarina solista, atuou simultaneamente como assistente de coreografia e ensaiadora por nove anos consecutivos, em três gestões diferentes, encorajada inicialmente por um dos diretores do grupo - Rui Fontana Lopes, tendo merecido a confiança de renomados coreógrafos como Germaine Acogny, Oscar Araiz, Arrieta, João Maurício, Ohad Naharin, Rodrigo Pederneiras, Susana Yamaushi, Vasco Wellenckamp, entre outros, período em que o grupo foi premiado várias vezes. Em sua formação, também teve influência do Diretor José Possi (MION, 2007).

Sua atividade no Balé da Cidade de São Paulo foi marcada por premiações da Companhia e premiações individuais – melhor bailarina, prêmio da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA/1979) e menções honrosas pelo elenco de CENAS DE FAMILIA (1978), nos prêmios Governador do Estado de São Paulo e APCA (MION, 2007).

Num período de 25 anos, no qual o Balé da Cidade de São Paulo recebeu numerosos prêmios pela qualidade de seu elenco e coreografias, Mônica Mion participou de praticamente todo o repertório apresentado, em obras em que atuou freqüentemente como solista, em temporadas e turnês nacionais e internacionais (MION, 2007).

Atua no Balé da Cidade de São Paulo há 27 anos. Em 2001 assumiu a direção da companhia, deixando o cargo no ano de 2010 (Site do Estadão).


Ver também

Entrevista Mônica Mion – Bastidores da Dança. Acesso em janeiro de 2012.


Referências

Mônica Mion – Entrevista cedida à autora em 10 de abril de 2007.

Site do Estadão. Acesso em janeiro de 2012.

Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas
Visite-nos
Idana.net - Home